8.9 C
São Paulo
sexta-feira, 20/05/2022

Vacinar as crianças – Josinaldo Cabeça

Vacinar as crianças | Bolsonaro e os negacionistas atrasaram a vacinação no País e o resultado é que 621.166 brasileiros já morreram de Covid-19.

Bolsonaro e os negacionistas tentaram, também, evitar a vacinação de crianças entre cinco e 11 anos. E o fato é que, oficialmente, morreram de Covid 324 crianças. Mas levantamentos ainda em fase de conclusão já apontam cerca de 700 óbitos de menores nessa faixa etária.

Claro que a morte é o lado mais dramático disso tudo. Mas precisamos lembrar, também, que a Covid-19 deixa sequelas. Algumas dessas sequelas são de longo prazo, afetando gravemente o organismo. Ou seja, trazem sofrimento de longo prazo, tratamentos demorados e despesas altas para as famílias, com remédios e cuidados médicos.

Mas Bolsonaro não é culpado sozinho disso, não. Basta dizer que, ainda hoje, segundo pesquisa do instituto Datafolha, 17% dos brasileiros são contra vacinar crianças. Convenhamos, é muita gente ignorante, negacionista e contrária à ciência.

O que devemos fazer? Seguir a ciência e, principalmente, cumprir as orientações da Anvisa, que é uma agência experiente e mundialmente reconhecida. Devemos também ignorar os ataques de Bolsonaro à Anvisa, porque o que ele quer é jogar uma cortina de fumaça pra encobrir a crise sanitária, a recessão, o desemprego e outras tragédias brasileiras.

Quem tem filho pequeno, leve a criança pra vacinar. Quem tem neto, pegue a criança e leve ao posto de vacinação mais próximo. Quem tem vizinho ou parente negacionista, converse com a pessoa e faça-a lembrar que ela, quando criança, tomou vacina contra sarampo, hepatite, poliomielite etc., e só está viva por causa disso.

Nem sempre a pessoa procura um posto de vacinação e lá existe vacina disponível. Por favor: não culpe o funcionário local, não agrida o Servidor, pois ele não tem responsabilidade sobre isso. Os responsáveis são o prefeito, o secretário de saúde ou as autoridades sanitárias, de um modo geral.

Caso essa falta de vacina persista em sua cidade ou bairro, pressione o secretário de saúde, procure o prefeito da cidade, busque apoio de um vereador ou denuncie à imprensa. Cobrar vacina e respeito à saúde é seu direito. Diria mais: é seu dever.

O Brasil precisa voltar a crescer e gerar empregos. Nossas crianças precisam voltar a frequentar as escolas. E os adultos têm que tocar a vida, retomando seus trabalhos. Mas isso só poderá acontecer com vacinação em massa.

Futuro – É vacinando as crianças de hoje que teremos adultos saudáveis no futuro e idosos com boas condições de vida. Aliás, segunda-feira é o Dia do Aposentado. Viva nossos aposentados!

Clique aqui e leia mais artigos de Josinaldo Cabeça.

Notícias

Matérias Relacionadas

Fale com a Agência Sindical