O Projeto de Lei (PL) 2.564/2020, de autoria do senador Fabiano Contarato (Rede-ES), que estabelece Piso Salarial nacional aos profissionais da enfermagem, tem apoio de 56 dos 81 senadores. É o que aponta o próprio autor do PL.

Segundo Contarato, a quantidade de votos é mais que suficiente para aprovar o Projeto. Ele afirma também que já apresentou requerimento de urgência ao presidente Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

Durante live promovida pela Confederação dos Trabalhadores do Serviço Público de Porto Velho, o senador explicou que esse é um momento oportuno para que o PL seja votado e aprovado. “A gente pode vincular para a receita corrente. E a União, estados e municípios terão receita pra pagar o Piso pelo resto da vida”, disse Fabiano Contarato.

Histórico – O parlamentar resgata o anseio da categoria de mais de três décadas. E destaca: “Se pautar amanhã, é aprovado”. Para ele, o apoio dos senadores merece agradecimento. “Estão sensíveis com a aprovação do Piso nacional. Esses profissionais estão arriscando suas vidas e precisam de dignidade salarial”, defendeu.

Valores – O PL 2.564/2020 estabelece carga horária de 30 horas semanais para os profissionais da enfermagem e fixa o salário base de enfermeiros em R$ 7.315,00; de técnicos em R$ 5.120,00; e de auxiliares de enfermagem e parteiras em R$ 3.657,00.

Na última quarta, dia 12, data que se celebra o Dia Internacional da Enfermagem, entidades de classe promoveram atos por todo o Brasil, presencial e online, a fim de sensibilizar a população a apoiar o movimento pela aprovação do Projeto de Lei.

MAIS – Acesse o site do Senado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui