8.9 C
São Paulo
sexta-feira, 20/05/2022

MODELO ESGOTADO

O sindicalismo deve rever o 1º. de Maio, na forma e conteúdo. Atos para juntar multidões não têm funcionado.

Talvez para o próximo ano, melhor fazer atos por Sindicato, categoria ou por cidade.

A bandeira da Conclat – emprego, direitos, democracia, vida – não impõe, necessariamente, atos únicos. A unidade pode se espraiar por Sindicato, categoria, segmento ou região.

Bom também que, antes do 1º. de Maio, cada entidade promovesse a Semana do Trabalhador – ações na base, palestras, atividades culturais, iniciativas solidárias etc.

O tema carestia não ocupou o centro do 1º. de Maio 2022. Embora o custo de vida aflija a população, principalmente os pobres, imensa maioria de brasileiros.

SP – 2/maio/2022

Notícias

Matérias Relacionadas

Fale com a Agência Sindical