Confederação reforça mobilização dos trabalhadores no setor de alimentação

20/4/2017 - quinta-feira

O secretário para Assuntos Técnicos, Assessoria e Serviços da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Alimentação (CNTA Afins), Darci Pires da Rocha, informa que a entidade vem realizando diversas ações em todo o País, visando reforçar a greve geral do dia 28 contra as reformas neoliberais propostas por Temer. “Vamos às ruas protestar e dizer não a tudo isso que está sendo feito contra a classe trabalhadora", afirma.


Darci Pires da Rocha, da CNTA Afins

Coordenador da Sala de Apoio da CNTA no Rio Grande do Sul, o sindicalista falou à Rádio Web Agência Sindical sobre as ações desenvolvidas no Estado. "Estamos realizando panfletagens, participando de audiências públicas, indo para portas de fábrica orientar e conscientizar o trabalhador que, se não nos unirmos, seremos derrotados”, explica.

"Esse governo ilegítimo está aí para servir ao poder econômico. A prova disso é que as reformas visam acabar com direitos trabalhistas e liquidar com os Sindicatos. Com isso, os trabalhadores ficam à mercê dos patrões e sem ter quem os defenda", ressalta o dirigente.

Darci Pires avalia que as reformas neoliberais do governo tem um único objetivo: servir a grandes empresários.

Trabalhista - "Como dizem os gaúchos, quem puxa os seus não degenera. Esse Rodrigo Maia está demonstrando que vem da mesma escola dessa quadrilha que está no poder e repete as mesmas atitudes de seu antecessor, o Eduardo Cunha", diz.

Previdência - "O governo retira algumas maldades que estavam colocadas para trabalhadores rurais e servidores públicos num primeiro momento. Depois que ele derrotar os trabalhadores do setor privado, eles vão mexer no restante", alerta Darci.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home