Murilo, presidente dos Engenheiros, critica corte em verbas de pesquisa

4/9/2019 - quarta-feira

País que promove ajuste fiscal, cortando verbas da Educação e pesquisa, caminha na contramão da história. Vivemos a era do conhecimento e o saber aplicado se torna indispensável pra melhorar a qualidade de vida em todos os setores.

Esse pensamento é de Murilo Pinheiro, presidente do Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo. O governo Bolsonaro, por meio da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) anuncia o terceiro corte do ano. Assim, ficam sem apoio 5.613 bolsistas. No total, Bolsonaro extingue 11.811 bolsas.


Para Murilo Pinheiro, cortes nas verbas para educação empobrecem o País

“Temos engenheiros bolsistas, que sofrem o baque desses cortes. Muitos procuram o Sindicato para orientação e apoio. O Sindicato, enquanto órgão de classe, vem buscando dialogar com as autoridades. Não se pode abandonar assim pesquisadores e pesquisas. Essa é uma forma de empobrecer o País”, lamenta Murilo.

Total - As medidas governistas, de caráter fiscal e neoliberal, bloqueiam este ano um total R$ 37,8 milhões. Mas a facada continua e a meta, da própria Capes, indica que os cortes, nos próximos quatro anos, devem chegar a R$ 544 milhões.

Quando um País desvaloriza cientistas, técnicos e pesquisas, a tendência é que perca profissionais qualificados pra outras nações. Murilo Pinheiro afirma: “Em todos os campos, os pesquisadores brasileiros contribuem para o desenvolvimento de técnicas e inventos, indispensáveis ao progresso. Gente com essa qualificação é disputada por países que valorizam o conhecimento. Podemos sofrer um esvaziamento grave”.

Engenharia - Boa parte dos prejudicados pelos cortes governamentais atua na Engenharia. Para o líder da categoria, “esses cortes  empurram o Brasil para trás, contra a marcha do desenvolvimento”.

CNPq – Órgão de fomento à pesquisa, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico anuncia que, já a partir deste mês, não terá como pagar seus 84 mil bolsistas.

MAIS – Acesse os sites: www.seesp.org.br   www.memoria.cnpq.br    www.capes.gov.br   www.mec.gov.br  www.mctic.gov.br   

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home