Por unanimidade, Metroviários de São Paulo aderem à paralisação

• 7/6/2019 - sexta-feira

Os Metroviários de São Paulo aprovaram quinta (6) adesão à Greve Geral contra a reforma da Previdência, no dia 14 de junho. O Sindicato realizou assembleia na sede da entidade que, por unanimidade, votaram pela participação no movimento.

Metroviários de SP aprovam Greve Geral em assembleia no Sindicato

Na próxima quinta (13) uma nova assembleia vai preparar ações coordenadas. Os trens vão parar por 24 horas, a partir da zero hora do dia 14 de junho. A paralisação vai afetar as linhas 1-Azul, 2-Verde, 3-Vermelha e 15-Prata.

“A decisão, por unanimidade, reforça a unidade e a determinação da categoria. O movimento vai ser forte. Vamos pressionar o Congresso contra a aprovação da reforma da Previdência”, disse Wagner Fajardo, coordenador do Sindicato dos Metroviários de São Paulo, à Agência Sindical.

Mais informações: www.metroviarios.org.br
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home