CNTA vê com preocupação embargo de carne bovina para China

• 7/6/2019 - sexta-feira

A Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins está preocupada com a suspensão das exportações de carne bovina para a China, medida que foi anunciada no início da semana. O embargo foi determinado pelo Ministério da Agricultura por conta de um caso atípico de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), a chamada doença da "vaca louca", ter sido detectado em um animal no Estado de Mato Grosso.


Artur Bueno de Camargo, presidente da CNTA Afins

Artur Bueno de Camargo, presidente da CNTA Afins, foi entrevistado pela Agência Sindical. Ele diz que o setor de frigoríficos emprega milhares de trabalhadores no País. "O abalo pode ser enorme. É um setor que gera muito emprego. Isso pode afetar a economia de muitas cidades, que dependem dessas empresas", afirma o dirigente.

Ministério - Em Nota Oficial, o Ministério da Agricultura informou que não há risco sanitário no Brasil, mas que a medida é "automática e protocolar". Ela está prevista no documento assinado em 2015 com a China, que prevê a suspensão quando houver algum risco após a detecção de alguma doença.

Segundo Artur, essa situação gera muita insegurança ao trabalhador. "Quem atua em setores de corte pra exportação, está preocupado. Os funcionários não sabem o que pode acontecer. Essa incerteza é ruim. Quando um trabalhador dessa área perde emprego, é difícil se reintegrar noutra, pois só aprendeu a trabalhar nisso", explica o sindicalista.

Números -
A China é o principal mercado para a carne do Brasil em faturamento e o segundo em volume - atrás somente de Hong Kong. Em 2018, os embarques somaram 322,4 mil toneladas e US$ 1,49 bilhão. Nos primeiros quatro meses deste ano, as vendas para o mercado chinês representaram 17,8% do volume total embarcado, com 95,7 mil toneladas e um faturamento de US$ 442,4 milhões. Os números são da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec).

Mais informações: www.cntaafins.org.br
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home