Cadastre-se em nossa lista:

Nossos trabalhos


Publicação do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região. Clique e veja outros materiais.

EDITORIAL

Primeiro resistir!

Após o ajuste fiscal que asfixia o Estado, Temer avança, com as reformas da Previdência e trabalhista. O governo tem pressa, aciona a Câmara, faz intensa propaganda paga, tenta passar o rolo compressor.

O sindicalismo deve resistir. Para tanto, precisa qualificar, urgentemente, as direções sobre o conteúdo real das reformas - ajustando o discurso da resistência - e massificar junto às bases as maldades neoliberais.

Resistir é o primeiro passo. O alcance da resistência indicará os passos futuros.


20 de fevereiro de 2017

Login - Clientes

E-mail

Senha

Lembrar senha

O sindicalismo deve negociar as reformas?

  • Não. O governo é ilegítimo e patronal;
  • Deve primeiro ouvir suas bases;
  • Sim. Negociar e garantir alguma coisa.
  Parciais